Após ir a Medjugorje deixei a heroína e virei pai de 10 filhos !!!

Tempo de leitura: 5 minutos

Compartilhe com seus amigos!

Matéria original: https://rosasparalagospa.com/2019/04/12/creia-que-iba-a-la-playa-pero-acabo-en-medjugorje-alli-dejo-la-heroina-y-ahora-es-padre-de-10-hijos/?fbclid=IwAR1AWhqJuQSEo-LTEJGABkG2Hq-A8irQBDjP0ueFv_OZha-7JDFwpS43w_s

“Da escuridão da dependência em drogas até a alegria da família”. Assim define a obra de Deus em sua vida, de ser no passado um jovem drogado até virar evangelizador e pai de 10 filhos.

Álcool, maconha, heroína, etc…

Damien, nascido em Dubln, explicou para o Jornal Irish Catholic que deixou a escola quando tinha 15 anos: “Neste momento passavam muitas coisas pela minha cabeça. Tive pequenos trabalhos, nada sério e então me enfiei no mundo das drogas, comecei a beber um pouco e a fumar maconha”, conta este agora pai de família.

Consumiu drogas por anos, e dentro da cultura dos festivais de música eletrônica começou a usar o êxtasis e rapidamente passou a fumar heroína. Em poucos meses converteu-se em um viciado. Para conseguir suas doses de heroína que seu corpo pedia começou a roubar até que acabou por quatro vezes preso.

As drogas passaram a ser uma grande parte de sua vida. “Cheguei a pensar que a vida era assim, ter todos estes sentimentos, e estas estimulações e toda esta droga em mim”.

O esforço de seu pai para levá-lo até Medjugorje

Mas em 1996, quando tinha 23 anos, algo começou a mudar: “meu pai era um homem santo, sempre estava rezando por mim. Ele estava em um grupo de oração, e alguém lhe mostrou um vídeo onde duas garotas americanas falavam como tinham ido a Medjugorje em uma peregrinação e tinham deixado de usar drogas e que Medjugorje mudou completamente as suas vidas. Meu pai disse: “Bem, tenho que levar Damien a Medjugorje”.”

Seu pai lhe pediu que acompanhasse e como eu achava que lhe havia decepcionado tantas vezes decidiu ir. Mas o que lhe convenceu em realidade foram as fotos das praias da Croácia e as mulheres que apareciam nos folhetos de propagandas. Achava que realmente iria ali e não a um santuário mariano.

“Odiei aquele lugar durante os primeiros três dias, mas odiei a mim mesmo, odiei meu pai e durante estas três noites não pude dormir devido aos efeitos da droga e do calor”.

Então sentiu Deus em seu coração numa manhã quando acabou dormindo brevemente em um banco junto a estátua da Virgem.

A iluminação da consciência

Damien passou duas semanas e explica o que aconteceu o que chamou de “uma iluminação da consciência” pois ao voltar para a Irlanda começou a lutar contra o vício: “nunca antes tive coragem para isto. Algo aconteceu em meu interior.”

Após sua volta a Irlanda, começou a sair com Mary, que também era viciada em heroína e foi um amigo em comum que os apresentou. Tiveram o seu primeiro filho, Tammie, e começaram juntos um programa de recuperação, mas as quedas continuaram acontecendo.

Uma nova ajuda em Medjugorje

Damien começou a ter comportamentos suicidas. Queria as drogas mas pensava que a solução seria acabar com sua vida. “Então em 2002 uma de minhas irmãs me levou novamente a Medjugorje e depois de estar ali por três dias recuperei minhas forças”.

Levou sua namorada Mary, que estando em Medjugorje e acabou marcando as suas vidas.

Em Medjugorje existe uma casa da Comunidade Cenacolo que ajuda pessoas com vícios mas que Damien nunca a tinha levado em consideração. “Me aproximei de um dos jovens e lhe disse que era de Dublin e que estava usando drogas durante 14 anos e que tinha tendências suicidas e que tinha perdido a vontade de viver.”

“Nunca esquecerei a reação daquele jovem. Ele me olhou fixamente nos olhos e me disse: “Damien, as drogas sempre estarão aí, você é que tem que mudar e voltar para Deus”. Então ele me disse que na Irlanda, próximo do santuário mariano de Knock, tinha aberto uma casa da Comunidade Cenacolo.

A mudança e a conversão do casal

Em Knock esteve durante um ano, e então o enviaram até Medjugorje durante cinco meses. Então sua mudança foi notável. Mary tinha mudado com seu pai e começado um curso de desintoxicação. “Quando saí dali estava vivendo um estilo de vida de oração e começamos a rezar juntos.”

“A primeira coisa que queria fazer era ser bom com Deus e me casar com Mary”. Tivemos um casamento maravilhoso em 2005.” Como não poderia ser de outro modo, decidiram ir em lua-de-mel até Medjugorje para agradecer à Virgem a SUA ajuda durante todo este tempo.

Um matrimônio aberto para a vida

“A Adoração é a chave e a oração para mim é uma parte importante de minha vida”

“Nos últimos 16 anos não vivia sem heroína. Estou livre em grande parte graças à nossa vida de oração.”

Uma das consequências de estar nas Mãos de Deus é ter outros nove filhos, além de Tammie que nasceu quando ambos ainda eram viciados.

“Estamos abertos para a vida. Voltamos para a fé e eu e Mary temos muitas experiências que a maioria das pessoas não tiveram. Fomos da escuridão do vício que muitas pessoas experimentam e quando tivemos uma segunda oportunidade a agarramos com ambas as mãos.”

NO PRÓXIMO DIA 2 DE MAIO DE 2019 ESTAREMOS EM MEDJUGORJE PARA A APARIÇÃO DE NOSSA SENHORA !!! ENCOMENDE SEU TERÇO DE MEDJUGORJE QUE O LEVAREMOS ATÉ A APARIÇÃO PARA RECEBER  A BENÇÃO DE NOSSA SENHORA !!! CLIQUE AQUI !!!

Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *