Medjugorje. Vidente Mirjana: “Chegará um segundo período de uma purificação muito dolorosa para toda a humanidade”

Compartilhe!

Tempo de leitura: 14 minutos

Matéria original: https://www.papaboys.org/medjugorje-la-veggente-mirjana-viene-un-secondo-periodo-di-una-purificazione-molto-dolorosa-per-tutta-lumanita/amp?fbclid=IwAR0OLjp5OkhPOMkONtWu7F5T8aYpf40z7EGJTg4Kmr5J2g_7UXN82w_fi8E

Para entender bem este artigo, de um livro sobre Medjugorje (citação no final do texto), é necessário dar um passo para trás. Estas são palavras claras, ditas pela visionária Mirjana Soldo e esperando pelos acontecimentos. Como todas as coisas ditas sobre a Gospa, elas não podem ser canceladas e são parte integrante do mistério de Medjugorje.

É 2 de novembro de 1985.

Durante a aparição, o sacerdote viu Mirjana, a vidente abaixar a cabeça, ela estava muito triste, com os olhos cheios de lágrimas. Após a aparição, ele perguntou a ela: “O que foi? Por que você está triste? ” Depois explicou: «Nossa Senhora mostrou-me pela primeira vez, como num filme, o desenrolar da primeira advertência. É muito pesada. Por isso fiquei triste ». A vidente diz que fez duas perguntas a Nossa Senhora: se essas coisas realmente acontecerão tão cedo e se Deus tem um coração tão duro. Nossa Senhora respondeu: «Deus não tem um coração duro, mas tu tens um coração duro: olhe à sua volta quantos pecados existem e você compreenderá».

Depois falei com o vidente que volta a repetir: «Este período é o período das graças, quando muitas graças são dadas, é o período da conversão. Segue-se um segundo período de uma purificação muito dolorosa para toda a humanidade e no final o encontro com Jesus Cristo, após o sinal visível ”.

Eu perguntei à vidente como ela se sentia. Por um lado sente-se triste, por outro lado insiste que devemos ser muito felizes, sabemos o que nos espera. Essa vida tem um valor, mas diante da vida eterna, nós aqui na terra somos apenas passageiros.

A vidente enfatiza este aspecto da alegria e esperança que devemos ter ao olharmos para o futuro.

Como sabem, Nossa Senhora envia mensagens à Paróquia e a todas as pessoas todas as quintas-feiras. Na penúltima quinta-feira, Nossa Senhora disse que nos prepara todos os dias, ou seja, que quer nos vestir todos os dias com a santidade, a obediência, a bondade de Deus, para nos tornar mais bonitos e mais prontos para a vinda do Senhor. .

Na última mensagem, quinta-feira, 31 de outubro, Nossa Senhora convidou-nos a todos para trabalhar na Igreja e disse para trabalharmos de acordo com as possibilidades. Em seguida, ressaltou que todos nós podemos trabalhar, mas não fazemos porque não nos sentimos capazes de fazê-lo. Depois disse-nos para termos coragem, para oferecermos a cada um de nós pequenas flores a nossa vida a Deus e através destas flores fazermos felizes a Igreja e Jesus, convidou-nos a colaborar para a salvação do mundo.

Ontem, enquanto estive com as pessoas, senti que a humanidade está em crise e que todos nós estamos em crise e vemos que estamos em crise também por meio dos peregrinos que vão a Medjugorje.

A crise é que todos falam das dificuldades: falta dinheiro, há muitas doenças. Dizem que a cada sete italianos um morre de câncer.

Ouvi essa estatística de um médico, não sei se é verdade. No entanto, queixam-se de doenças, dos poucos empregos. O mundo tenta através de conferências impedir as guerras, mas preparamos um suicídio coletivo da humanidade, porque já produzimos tantas armas e somos capazes de destruir a terra. Um lamento se ouve em todos os lugares e as pessoas sentem a crise.

Gostaria de sublinhar três pontos que deveriam ser três luzes para nós, cristãos.

Em primeiro lugar: fé. Não contamos com a vida eterna. Na medida em que para nós a vida eterna não é uma realidade, mas algo “pode ​​ser”, estamos tristes, não podemos viver a festa de todos os santos sem esta fé.

Se alguém viesse te dizer: “Quero me livrar de todos os seus problemas e quero te fazer feliz e ditoso”, o que você faria? Você gostaria disso? Jesus se apresentou assim ontem. Você já ponderou o que significa bem-aventurados os pobres, bem-aventurados os tristes? Felizmente ele não disse bem-aventurados os ricos, bem-aventurados os poderosos, bem-aventurados os que se sentem bem, com saúde, mas bem-aventurados os que estão em crise. É uma coisa incrível: como é que nós, cristãos, não descobrimos isso? Por que não praticamos? Bem-aventurados todos vocês que estão em crise, porque o Reino de Deus é seu.

Este momento de crise em toda a humanidade é um momento muito favorável para nós, cristãos, descobrirmos Deus, é precisamente uma graça para descobrir Deus.

Em verdade te digo: bem-aventurado és se tens sofrimentos. Porém, você não é abençoado com sofrimentos, mas abençoado é você se você descobrir Deus e a vida eterna em seus sofrimentos.

Se há realmente uma luz diante de nós para a vida eterna, para o Céu, para o Céu, sabemos que as doenças e as dificuldades são para nós apenas agradecimento, obrigado por termos sido purificados, por estarmos mais perto de Deus através do sofrimento. Que viemos ao mundo. Mas tenho visto muitos peregrinos que colocam a matéria e a vida terrena em primeiro lugar e depois Deus, que nos ajuda um pouco nesta terra e depois da morte. Com esta fé você não pode ser abençoado, com esta fé você não pode ser feliz aqui na terra e você não entrará no Reino de Deus.

Temos que. colocar, todos nós, diante de nós esta fé da vida eterna: morte e ressurreição. Então, podemos ir para o futuro com alegria, com bem-aventurança, porque coisas bonitas nos aguardam.

Se eu na minha vida pudesse fazer algo por você, eu o faria: dar-lhe esta bem-aventurança. E você sabe, quando você vier para esta bem-aventurança, nem doença, nem morte, nem perseguição – como diz São Paulo – ninguém nos separará de Jesus Cristo. Mas não apenas de Jesus Cristo; ninguém vai nos separar da alegria, da paz, da segurança, de uma vida feliz. Aqui todos nós devemos nos tornar santos.

Aqueles que não decidirem ser santos não terão nem mesmo felicidade em seus corações nesta terra, eles não entrarão no Reino de Deus. É uma coisa natural que o vidente que viu o Céu, encontrou Nossa Senhora, nos diga que devemos ir em direção ao futuro. com alegria. Mas eu digo a você algo muito importante se você quiser chegar a esta bem-aventurança. Nestes dias Jesus continua a nos conduzir em direção a Jerusalém. Todos os dias na missa seguimos o Evangelho de Lucas e Jesus vai lentamente para Jerusalém. Ele está decidido, mas vemos que ele quer que nós também estejamos determinados a entrar nesta alegria. O que me impressionou muito anteontem, enquanto preparava o sermão para a festa de todos os santos, é a parábola de Lucas onde Jesus fala do banquete. O mestre preparou o banquete para os convidados e os criados foram chamar o povo, mas todos se desculparam. Um era casado, um tinha comprado um campo, o outro … sei lá. Mas todos foram gentis: “Desculpe, não posso ir.” O proprietário ficou zangado e não permitiu a entrada de ninguém.

O que me impressionou é justamente isso: todos pediram desculpas, foram muito gentis, mas ninguém entrou no Reino de Deus.

E Jesus reuniu, o mestre reuniu o povo na estrada para levá-los ao banquete. Na verdade, perante esta parábola, reconheço que todos nós, cristãos, somos pessoas que pedem desculpa: “Não tenho tempo para rezar, tenho que ir, tenho que ganhar mais”. Olha: enfrente esta parábola, leia o Evangelho e verá quantas desculpas há dentro de nós. As desculpas vão tão longe quanto a crença de que para Deus não temos nem um minuto durante o dia. É uma coisa muito ruim, mas toda a gentileza de se desculpar diante do Senhor é inútil. Se você for convidado para ir a Milão, Parma, Roma para conseguir muito dinheiro e nunca tiver tempo de ir buscá-lo, você aceita? Você nunca os obterá. E assim também estamos diante de Deus, vivemos numa situação de ateísmo prático em que dizemos: “Para mim Deus não é útil, não tenho tempo para Deus”.

Eu realmente gostaria de colocar esta parábola em seus corações.

Siga o Evangelho de Lucas onde você verá que somente as pessoas que estão decididas a deixar tudo para entrar no Reino de Deus entrarão no Reino.

Deixar até a esposa, até o marido, até o dinheiro, não para deixá-los, mas para colocar Deus na frente, colocá-lo em primeiro lugar. Como Jesus disse, não é útil para mim, se eu perder a vida eterna, ter os dois olhos. Também tenho que separar meu braço e neste sentido devemos estar decididos a buscar o Reino de Deus, se o buscarmos, o teremos.

Outro ponto, outra luz que quero acender em seus corações: o amor. Há alguns dias, conversei com uma garota de treze anos. Aproximei-me porque senti que ele estava com problemas e assim que comecei a perguntar: “Como vai você?” ” Ela respondeu: “Eu diria mal.”

Comecei a falar um pouco e a menina começou a chorar. Porque? A menina se encontrou em uma dificuldade desesperadora. Ele teve excelentes resultados na escola, agora ele tem todas as notas baixas. Quando ela vem à igreja, ela não se comporta bem, ela fica nervosa.

Ele me explicou a situação. Diz ele: «Todos os anos perco tempo, não posso estudar, quando vou à escola ralham-me, quando vou para casa ralham-me, quando vou à igreja os padres ralham-me. Todos dizem a verdade que me engano, mas ninguém me ama ». E eu realmente vi que ninguém a ama. Então eu disse a ela: “Agora vamos fazer algo e começaremos a resolver o seu problema”. Concordamos em seguir em frente e a menina foi consolada.

Mas naquele momento vi que na sociedade de hoje, em todo o mundo e também na Igreja, há pouco amor. Existem muitos policiais que procuram ver se alguém está errado ou não. Infelizmente, também os pais muitas vezes se transformam em policiais que repreendem e não compreendem, porque o amor deve compreender todas as situações e promover uma positiva.

Ao mesmo tempo, enquanto vos falo sobre o amor e a fé, devo acender a terceira luz: a esperança.

Aquela menina se sentia perdida, não podia ir nem para a esquerda nem para a direita, porque não era amada. Procuramos encontrar os pontos de saída para levar a cabo o seu programa; Espero levar isso adiante.

Eu disse a você que a fé, o amor e a esperança são a raiz da nossa salvação; nós, cristãos, devemos viver esta raiz da nossa salvação: a fé em Deus e na vida eterna. Não a fé de que algo existe após a morte, mas a fé de que devo alcançá-lo; e hoje é muito importante para mim.

Por outro lado, só poderei levar esta luz de salvação e as mensagens de Nossa Senhora se o meu coração for capaz de amar. Só poderei seguir em frente com alegria se puder trazer esperança. Portanto, se você, com todas as suas crises, com todas as suas queixas, com todas as suas doenças, oferecer a sua vida e sair pela estrada com essas luzes da fé, do amor e da esperança, você será feliz assim que partir.

Ofereça sua vida a Deus se quiser experimentar. Você nunca será feliz quando receber cem milhões de liras; em vez disso, quando der algo de sua necessidade ao próximo, quando oferecer sua vida a Deus com todas as doenças, então você alcançará a bem-aventurança, a felicidade.

Na última quinta-feira na mensagem que Nossa Senhora deu ao grupo de oração, ela disse entre outras coisas: “Deus te ama muito, Ele te ama cem vezes mais do que seus pais”, e Nossa Senhora queria que as pessoas oferecessem, abrir seus corações a este amor.

Gostaria apenas de enfatizar novamente estas palavras: Deus nos ama mil vezes mais do que nossos pais. Então também nós abrimos os nossos corações, quando neste momento este amor de Deus se manifesta também através da Virgem, que nos ensina como chegar à casa paterna.

Nossa Senhora em uma mensagem disse: “Se você quer ser mais forte que o mal e crescer no bem, então faça para você uma consciência ativa”, isto é, reze muito. Então, quando você tiver orado, leia uma passagem do Evangelho e pegue a Palavra do Evangelho e plante-a em seu coração e cultive-a ao longo do dia. Em minha opinião, este é o caminho da ressurreição. Muitas confissões tornam-se quase inúteis, porque as pessoas se confessam e no dia seguinte é o mesmo, continuam a se comportar como antes. Muitas peregrinações falharam, as pessoas foram adorar e rezar em diferentes santuários e quando voltam para casa dizem: “Eu consegui” e é isso.

Se você quer ser cada vez mais forte, deve rezar todos os dias, buscar a Palavra do Senhor que cura a alma, leva adiante, aumenta a graça, torna-o mais forte, faz você crescer na fé, no amor, na esperança. Então você se tornará cada vez mais forte, mais e mais iluminado. Precisamente isto eu gostaria de enfatizar: quando você retornar de Medjugorje para a Itália, eu pediria que você continuasse fazendo sua peregrinação a Deus, à Palavra de Deus.

Senhor Jesus Cristo, rogo-te, por intercessão da Bem-aventurada Virgem Maria, que olhes para todos estes peregrinos, que abras os seus corações à verdadeira fé, ao verdadeiro amor e à verdadeira esperança.

Jesus Cristo, queres salvar a todos, procuras todos os homens e estás feliz com a tua Mãe, porque vês estes peregrinos e as suas intenções aqui. Por favor, ajude-os para que cada um abra seu coração.

Jesus, ajuda-os para que cada um viva a tua bem-aventurança nas crises em que vive. Por favor, abençoe todos os enfermos, todos os sofredores, todas as pessoas que sofrem de qualquer problema para que todos sintam bem-aventurança.

Jesus Cristo, rogo-te graça, para que todo peregrino responda sem desculpas ao teu apelo e viva para a vida eterna. Peço-te a decisão, para que cada um deles se decida a pertencer totalmente a Ti, a deixar tudo o que os impede de Te alcançar.

Por favor, Jesus Cristo, abra o coração para acolher os dons que dás com a tua Mãe a cada um aqui presente e a toda a humanidade. Envie o Seu Espírito, para que essas pessoas entendam a Sua resposta em seus corações.

Envie o Seu Espírito para abençoar suas famílias, suas paróquias, suas comunidades, seus hospitais.

Envie seu Espírito para abençoar seu país e o mundo inteiro. E eu te abençoo em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Um homem.

Fonte: Livro Vermelho de Medjugorje

PARA ADQUIRIR PRODUTOS DE MEDJUGORJE CLIQUE AQUI

SE DESEJAR VIAJAR CONOSCO ATÉ MEDJUGORJE EM MARÇO 2022 NO DIA DA APARIÇÃO ANUAL DE NOSSA SENHORA PARA A VIDENTE MIRJANA MANDE WHATSAPP OU LIGUE PARA (85)98843-5572

Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *