Era muçulmana antes de Medjugorje, agora é freira católica !!!

Compartilhe!

Tempo de leitura: 2 minutos


Fonte: Peregrinos de Medjugorje

Era mulçumana, agora é uma freira católica.

Emina antes de sua conversão em Medjugorje

Emina nasceu na Alemanha em 1980. Como seu pai era muçulmano, foi criada na fé islâmica. Em 2006, seus pais se divorciaram e, algum tempo depois, Emina experimentou uma profunda conversão, depois de ser apresentada à Fé Católica. Tendo tomado a decisão de ser batizada, ela foi a Medjugorje para se preparar e fazer uma “confissão de vida”.Enquanto estava em Medjugorje, conheceu Frei Danko Perutina, um dos sacerdotes franciscanos em Medjugorje naquele momento, e relatou-lhe a história sobre sua conversão e seu desejo de se confessar. Ele disse a ela que, por ainda não ter sido batizada para se tornar católica, não poderia fazer uma confissão; e durante o sacramento do batismo ela seria limpa de todos os seus pecados. Frei Danko orou sobre ela e nesse momento Emina consagrou sua vida a Nossa Senhora. Lágrimas rolaram de seus olhos, seu coração estava cheio e fluindo em paz e uma alegria envolveu profundamente seu ser, enquanto descansava no que parecia ser o abraço de Nossa Mãe Celestial.

Emina já como irmã Anne Sophie

Quando Frei Danko terminou de rezar, disse a ela para perseverar, que estava no caminho certo e assegurou-lhe suas orações.Em 2011, Emina voltou a Medjugorje como católica batizada, para o Festival da Juventude, onde dezenas de milhares de jovens se reúnem para dar Glória a Deus, através da oração, adoração, testemunho e canções e honrar a Sua Santíssima Mãe. Emina teve a oportunidade de reencontrar-se com Frei Danko, que estava dando uma palestra sobre as vocações. Ele estendeu um convite para qualquer um dos jovens presentes que estavam assistindo, uma vocação ao sacerdócio ou vida religiosa. Cerca de 120 vieram para frente, incluindo Emina. Frei Danko orou por todos os futuros sacerdotes, irmãos e irmãs e por todos os que não tiveram coragem de se apresentar.Em 2014, Emina entrou em um convento na Bélgica. Dois anos depois, iniciou seu noviciado e recebeu seu hábito e nome religioso: Irmã Anne Sophie. Os novatos geralmente não podem deixar o convento, mas a Madre Superiora deu sua permissão para ir a Medjugorje. Dez anos depois de sua primeira peregrinação a Medjugorje, a Irmã Anne Sophie (Emina) esteve no Festival da Juventude em 2016.

SE QUISER IR A MEDJUGORJE CONOSCO CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS !!!

SE QUISER PRODUTOS DE MEDJUGORJE CLIQUE AQUI

Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.